23 dezembro 2015

Tamanho 42 não é gorda!





O natal e o ano novo estão chegando e eu sempre gosto de comprar uma roupa nova nem que seja um short ou só uma blusa para dar sorte no ano que vem. Pois bem, já faz tempo que parei de olhar as lojas mais famosas da minha cidade porque sei que a maioria dos vestidos são curtos, pequenos ou largos demais, mas mesmo assim dei uma olhada para ver se encontrava algo. Só encontrei mais decepção e não só no tamanho das roupas, os preços estão altíssimos e sem nenhum desconto!

Eu entendo um pouco de costura e de tecidos, por isso não consigo pagar 100, 200, 300 reais por um vestido de um pano que eu sei que custa no máximo 10 reais. Não dá para pagar 100 reais em um vestido de algodão simples na feira de roupas aqui do lado de casa. Só que este não é o meu maior problema, o que mais me irrita são os tamanhos. Estão encolhendo as roupas, trocando as etiquetas e fabricando menos os tamanhos maiores. Esta é a impressão que tenho quando vou as lojas e não encontro quase nada que fique bem em mim.

Eu uso o tamanho 42 há anos por que tenho muito culote e sempre me virei com M e G. Agora eu não consigo mais comprar calças e shorts porque são curtos demais e pequenos. O P virou PP, o G virou M e o M virou P. Ou seja para quem tem um corpo mais avantajado não tem mais roupa que sirva na maioria das lojas. 

Aí eu pensei:
Ah, poderia emagrecer para caber naquela roupa e tal

Mas logo depois me olhei no espelho e pensei:
Para que eu preciso emagrecer e me enfiar em um monte de dieta louca para agradar a ditadura da moda. Eu gosto do meu corpo assim!


Sabe acho um absurdo ter que mudar meu corpo e meu estilo só porque as lojas não fazem roupas que servem em mim. Por que não fazem? Por que encolheram os tamanhos?

O mais estranho disso é que quando tem uma liquidação os tamanhos que mais sobram são os menores. Sempre tem um PP perdido. Se os tamanhos G e GG saem primeiro porque fazem poucas roupas com essa numeração? São tantas perguntas e tanto sofrimento para encontrar algo que não seja muito caro, fique bom e que tenha o seu tamanho que eu desisti de fazer compras faz tempo. Prefiro aproveitar as roupas antigas e a mandar fazer do jeito que eu gosto.

Eu imagino o quanto as mulheres que vestem acima de 42 devem sofrer. Já ouvi muita gente dizer que as roupas de lojas Plus Size são cafonas e bregas. Eu não sei porque não vejo muita propaganda sobre isso, o foco da mídia são nas blogueiras ditadoras de moda. Aliás existem tantas bogueiras de moda macérrimas que eu fico perdida e acho a maioria um pouco fake. É muita maquiagem para pouca verdade. 

Eu vou continuar procurando uma calça jeans que caiba em mim e do meu tamanho. Não vou fazer dieta só para emagrecer rápido e ficar mais parecida como aquela blogueira que ficou sem ar de tanto encolher a barriga para tirar a foto perfeita do dia.

Vamos acordar, meninas! Vamos ser mais realistas e encarar os nossos corpos como algo belo e natural. Você engordou e quer perder alguns quilos? Ótimo, eu também quero! Mas, não dá para você tentar ser igual a alguém que é diferente de você. Vamos aceitar as nossas diferenças e tentar conviver com isso da melhor forma possível!

Este vídeo mostra bemmmm o que estou falando! hahaha

 Beijos,

Carol Estrella

Nenhum comentário

Postar um comentário

© AUTORA CAROL ESTRELLA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por